Universidade do Minho - Escola de Arquitetura

Introdução

A Escola de Arquitectura da Universidade do Minho é uma unidade orgânica de ensino e investigação que goza de autonomia académica (científica, pedagógica e cultural) e administrativa.

No exercício da sua autonomia abre-se a perspectivas interdisciplinares e propõe-se desenvolver, num quadro de complementaridade de saberes, a investigação e a formação avançada, bem como promover a prestação de serviços à comunidade, em colaboração com outras unidades orgânicas e instituições.

A Escola de Arquitectura congrega recursos humanos e materiais coerentes e adequados ao desenvolvimento das suas actividades pedagógicas e científicas no âmbito de projectos autónomos ou em parceria com outras unidades, nacionais ou internacionais.

A Escola de Arquitectura assegura, desde mil novecentos e noventa e seis, ainda que, então, com a designação de Departamento Autónomo de Arquitectura, a criação, divulgação e valorização do conhecimento no campo da Arquitectura.

É a especificidade do ensino praticado que, ao promover um “saber integrado” – não colocando em causa as diversas autonomias disciplinares, mas ultrapassando a sua condição de mero somatório de conhecimentos – concorre para a formação de uma metodologia do Projecto indispensável ao exercício da Arquitectura nas suas múltiplas valências.

Através da construção de um percurso próprio, a Escola de Arquitectura tem sabido afirmar-se num sistema onde, até há bem poucos anos, pontificavam instituições mais antigas e ancoradas nos grandes centros urbanos nacionais. A combinação equilibrada entre apostas estratégicas, mérito científico e trabalho persistente tem-lhe conseguido assegurar um inequívoco reconhecimento.

Realça-se, ainda, a localização da Escola de Arquitectura no pólo da Universidade do Minho na cidade de Guimarães, dotada de um centro histórico reconhecido pela UNESCO como Património Cultural da Humanidade, cidade que em 2012 foi Capital Europeia da Cultura.

Missão e Objectivos

A Escola de Arquitectura tem como missão gerar, difundir e aplicar conhecimento no âmbito da arquitectura e domínios afins, assente na liberdade de pensamento e na pluralidade dos exercícios críticos, promovendo a educação superior e contribuindo para a construção de um modelo de sociedade baseado em princípios humanistas, que tenha o saber, a criatividade e a inovação como factores de crescimento, desenvolvimento sustentável, bem-estar e solidariedade.

O cumprimento da sua missão é realizado num quadro de referência internacional, com base na centralidade da investigação e da sua estreita articulação com o ensino, mediante a prossecução dos seguintes objectivos:

a) A formação humana ao mais alto nível, nas suas dimensões ética, cultural, científica, artística, técnica e profissional, através de uma oferta educativa diversificada, da criação de um ambiente educativo adequado, da valorização da actividade dos seus docentes, investigadores e pessoal não docente e não investigador, e da educação pessoal, social, intelectual e profissional dos seus estudantes, contribuindo para a formação ao longo da vida e para o exercício de uma cidadania activa e responsável;

b) A realização de investigação e a participação em instituições e eventos científicos, promovendo a busca permanente da excelência, a criatividade como fonte de propostas e soluções inovadoras e diferenciadoras, bem como a reflexão sobre os grandes temas da contemporaneidade;

c) A transferência, o intercâmbio e a valorização dos conhecimentos científicos e tecnológicos produzidos, através do desenvolvimento de soluções aplicacionais, da prestação de serviços à comunidade, da realização de acções de formação contínua e do apoio ao desenvolvimento, numa base de valorização recíproca e de promoção do empreendedorismo;

d) A promoção de actividades que possibilitem o acesso e a fruição de bens culturais por todas as pessoas e grupos, internos e externos à Escola;

e) O intercâmbio cultural, científico e técnico com instituições e organismos nacionais e internacionais, através da mobilidade de estudantes, docentes e pessoal não docente e não investigador, do desenvolvimento de programas educacionais e de investigação com base em parcerias, da contribuição para a cooperação internacional, com especial destaque para os países europeus e de língua oficial portuguesa, e da construção de um ambiente multicultural na Escola;

f) A interacção com a sociedade, através de contribuições para a compreensão pública da cultura, e o estabelecimento de parcerias para o desenvolvimento social e económico, nos contextos regional, nacional ou internacional;

g) A contribuição para o conhecimento, defesa e divulgação do seu património natural e cultural;

h) A promoção da sua sustentabilidade institucional e da sua articulação com o espaço global.

Esta escola oferece programas em:
  • Portuguese (Portugal)

Ver programas de mestrado »

Programas

Esta escola também oferece:

Mestrado

Mestrado Integrado em Arquitetura

campus Tempo integral 5 anos September 2017 Portugal Guimarães

O mestrado integrado em Arquitetura habilita ao exercício da atividade profissional em Arquitetura. Para isso, procura promover o “saber integrado” e a formação de uma metodologia de projeto, ambos essenciais ao exercício da Arquitetura nas suas diversas valências: [+]

Grau académico: Licenciado (pós-Bolonha) Mestre ECTS: 300 Duração: 10 semestres letivos Regime: Normal Local: Campus de Azurém, Guimarães Área científica predominante: Arquitetura MESTRADO INTEGRADO | 5 ANOS O mestrado integrado em Arquitetura habilita ao exercício da atividade profissional em Arquitetura. Para isso, procura promover o “saber integrado” e a formação de uma metodologia de projeto, ambos essenciais ao exercício da Arquitetura nas suas diversas valências: Arquitetura, Urbanismo, Desenho Urbano, Reabilitação e Manutenção de Edifícios. Estimula-se a criatividade do estudante, sensibilizando-o para as especificidades socioculturais do meio no qual se insere e a sua capacidade de comunicar os fundamentos do trabalho em desenvolvimento. O estudante deve demonstrar espírito crítico, capacidade de trabalho em equipa, valores éticos de cidadania e de consciência ambiental. Saídas profissionais Os Arquitetos formados pela Universidade do Minho estão habilitados ao exercício da atividade profissional em Arquitetura, Urbanismo, Desenho Urbano, Reabilitação e Manutenção de Edifícios, Arquitetura de Interiores e Design de Equipamento. Podem exercê-la enquanto quadros técnicos em instituições e empresas ou enquanto profissionais liberais, encontrando-se aptos a desenvolver atividades ligadas ao projeto, à gestão urbanística, ao ensino superior e à investigação. Estão também habilitados para a docência em vários graus de ensino. [-]

Contacte
Local de visita
Campus de Azurém
4800 - 058 Guimarães

Guimarães, PT
Media e Redes Sociais