Mestrado em Ciência Política em Portugal

Veja Mestrados em Ciência Política em Portugal 2017

Ciência Política

Um mestrado é feito por estudantes que tenham concluído alguma pós-graduação em um campo específico de estudos ou área de prática profissional, demonstrando um alto nível de domínio durante o processo.

As Ciências Políticas proporcionam aos docentes a compreensão dos processos executivos, legislativos e judiciais que são usados ​​para governar um país ou sociedade. Seus impactos sobre a estrutura econômica e social também são analisados.

Melhores Mestrados em Ciência Política em Portugal 2017

Leia mais

Mestrado em Políticas Comunitárias e Cooperação Territorial

Universidade do Minho - Instituto de Ciências Sociais
campus Tempo integral 4 semestres October 2017 Portugal Braga

O 2º Ciclo de Estudos em Políticas Comunitárias e Cooperação Territorial é um mestrado oficial reconhecido no Espaço Europeu do Ensino Superior, e que funciona numa parceria entre o Instituto de Ciências Sociais e a Escola de Economia e Gestão da Universidade do Minho. [+]

Melhores Mestrados em Ciência Política em Portugal 2017. Grau Académico: Mestre ECTS: 90 Duração: 3 semestres Regime: Pós-laboral Local: Campus de Gualtar, Braga Área Científica Predominante: Ciência Política, Relações Internacionais, Sociologia O 2º Ciclo de Estudos em Políticas Comunitárias e Cooperação Territorial é um mestrado oficial reconhecido no Espaço Europeu do Ensino Superior, e que funciona numa parceria eentre o Instituto de Ciências Sociais e a Escola de Economia e Gestão da Universidade do Minho. Com o apoio do Centro Europeu de Excelência Transfronteiriço, este mestrado visa contribuir para o aprofundamento e a atualização de conhecimentos sobre as políticas da União Europeia e da cooperação territorial, com especial atenção à Eurorregião Galiza-Norte de Portugal, nas suas dimensões sociais, económicas, políticas, administrativas e culturais. O curso oferece um plano de estudos interdisciplinar, estruturado em três semestres: dois semestres letivos e um semestre dedicado a um estágio numa instituição/empresa ou a um trabalho de projeto inserido numa investigação coletiva enquadrada pela Universidade do Minho. [-]

Mestrado em Políticas Comunitárias e Cooperação Territorial

Universidade do Minho - Escola de Economia e Gestão
campus Tempo integral 3 semestres October 2017 Portugal Braga

O Mestrado em Políticas Comunitárias e Cooperação Territorial, organizado em cotutela entre a Universidade do Minho (EEG e ICS) e a Universidade de Vigo e com o apoio do Centro Europeu de Excelência Transfronteiriço, está oficialmente reconhecido no Espaço Europeu do Ensino Superior. [+]

O Mestrado em Políticas Comunitárias e Cooperação Territorial, organizado em cotutela entre a Universidade do Minho (EEG e ICS) e a Universidade de Vigo e com o apoio do Centro Europeu de Excelência Transfronteiriço, está oficialmente reconhecido no Espaço Europeu do Ensino Superior. Com o objetivo de contribuir para o aprofundamento e a atualização de conhecimentos sobre as políticas da União Europeia e a cooperação territorial, o curso visa especificamente: Aprofundar as questões do desenvolvimento e das desigualdades sociais, do ambiente e da transformação social, das dinâmicas territoriais e dos processos de globalização. Conhecer o sistema institucional da UE e os seus processos políticos (atores, agendas e contextos). Estudar a filosofia, as normativas, os instrumentos financeiros e, em especial, as iniciativas que enformam a programação europeia. Analisar as características, os ganhos e os défices da cooperação territorial promovida pela UE. Projetar a cooperação territorial no quadro da União Europeia e, em relação à Euro-região Galiza-Norte de Portugal, aprofundar o conhecimento desta realidade em termos sociais, económicos, políticos, administrativos e culturais. Com um plano de estudos interdisciplinar, estruturado em 3 semestres letivos (correspondentes a 90 ECTS), o mestrado contempla uma componente curricular, nos dois semestres iniciais, e um estágio numa instituição/empresa ou um trabalho de projeto, no terceiro semestre. A aprovação no 1º ano confere o diploma de especialização em "Políticas Comunitárias e Cooperação Territorial" e o grau de mestre é atribuído à conclusão bem-sucedida da totalidade do programa. Além do plano de estudos inovador, o curso oferece a possibilidade de... [-]

Mestrado em Ciência Política

Universidade do Minho - Escola de Economia e Gestão
campus Tempo integral 3 semestres October 2017 Portugal Braga

O Mestrado em Ciência Política da Universidade do Minho oferece formação especializada fundamental na compreensão, análise, gestão, e avaliação de fenómenos políticos, decorrendo num ambiente de investigação de elevada qualidade proporcionado pelo Centro de Investigação em Ciência Política (CICP), Unidade de I&D financiada pela FCT - Fundação para a Ciência e a Tecnologia e que obteve a classificação de Excelente para o período de 2014-2020. [+]

Melhores Mestrados em Ciência Política em Portugal 2017. O Mestrado em Ciência Política da Universidade do Minho oferece formação especializada fundamental na compreensão, análise, gestão, e avaliação de fenómenos políticos, decorrendo num ambiente de investigação de elevada qualidade proporcionado pelo Centro de Investigação em Ciência Política (CICP), Unidade de I&D financiada pela FCT - Fundação para a Ciência e a Tecnologia e que obteve a classificação de Excelente para o período de 2014-2020. Todos os membros do seu corpo docente são doutorados pelas mais prestigiadas universidades nacionais e internacionais (europeias e norte-americanas). O Mestrado em Ciência Política foi auditado e acreditado incondicionalmente pela A3es – Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior, em 2014. O MCP destina-se a diplomados que desejem expandir e consolidar competências como especialistas na elaboração, monitorização e avaliação de políticas públicas, especialistas de marketing eleitoral e político, consultores de comunicação política, especialistas de sondagens, analistas de comportamento político, entre muitas outras atividades que decorrem no universo de instituições públicas e privadas, quer nacionais, quer internacionais (órgãos públicos locais, nacionais, empresas de sondagens, empresas de consultadoria, instituições europeias, organizações internacionais governamentais e não-governamentais, think-tanks, centros de investigação). Para quem pretende desenvolver uma carreira sólida e competitiva no domínio da Ciência Política, o Mestrado em Ciência Política da Escola de Economia e Gestão é a aposta. Para mais informações, deverá consultar o Guia Pedagógico do Curso de Mestrado em Ciência Política. [-]

Mestrado Em Ciência Política

ISCSP - Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas
campus Tempo integral 4 semestres October 2017 Portugal Lisboa

No quadro dos objectivos estratégicos do ISCSP-UTL quanto à oferta formativa de II Ciclo e na sequência dos objectivos traçados ao nível da política para o ensino superior nos termos do Processo de Bolonha , definiram-se os seguintes objectivos: [+]

Objetivos No quadro dos objectivos estratégicos do ISCSP-UTL quanto à oferta formativa de II Ciclo e na sequência dos objectivos traçados ao nível da política para o ensino superior nos termos do Processo de Bolonha , definiram-se os seguintes objectivos: Aprofundamento de competências Tal como para a licenciatura em Ciência Política, este objectivo corresponde à configuração nuclear do Processo de Bolonha, quando elege a passagem de um paradigma de ensino baseado na transmissão de conhecimentos para um paradigma baseado na aquisição de competências que, no caso do II Ciclo, devem ser reforçadas por forma a assegurar que o estudante adquira uma especialização de natureza académica (artigo 18.º do Decreto-Lei n.º 74/2006). Este objectivo presidiu à elaboração do novo plano de estudos, uma vez que a sua estrutura privilegia o aprofundamento de competências que consolidam os perfis de formação de natureza instrumental e, sobretudo, de natureza específica. Aposta na especialização funcional Este objectivo traduz a necessidade de reforçar o perfil da formação de natureza específica (elevando os padrões de exigência e rigor), por forma a orientar o estudante para percursos de especialização académicos que possibilitem um melhor domínio das ferramentas teóricas e práticas necessárias à aplicação e integração de conhecimentos em domínios específicos da Ciência Política com elevados níveis de exigência profissional. Reforçar as valências de investigação O plano de estudos assume, como orientação de fundo, a aposta no reforço das valências de investigação do estudante. Para além de se constituir como uma valência diferenciadora em relação ao I ciclo de... [-]