Keystone logo

46 Mestrado Programas dentro Ciências Sociais Ciência Política Política Internacional 2024

Filtros

Filtros

  • Mestrado
  • Mestrado em Ciências (MSc)
  • Mestrado em Humanidades (MA)
  • Ciências Sociais
  • Ciência Política
  • Política Internacional
Campos de estudo
  • Ciências Sociais (46)
  • Voltar para a categoria principal
Localizações
Encontrar mais locais
Tipo de grau
Duração
Ritmo de estudo
Linguagem
Linguagem
Formato de estudo

Mestrado Programas dentro Ciências Sociais Ciência Política Política Internacional

Nos dias que correm a política internacional enfrenta continuamente novos problemas e desafios, o estudo da política internacional oferece aos alunos uma oportunidade única de aprender sobre os vários problemas que atravessam o mundo. Esses problemas incluem: o terrorismo, a pobreza, os direitos humanos, os conflitos, o desenraizamento, o desenvolvimento económico e a globalização. Os alunos matriculados neste programa de mestrado têm a oportunidade de obter uma compreensão mais profunda dos problemas globais, da sua origem e as soluções que têm sido postas em prática para tentar resolver os problemas. Os alunos têm a oportunidade de examinar e avaliar criticamente as questões do mundo contemporâneo.

O mestrado em Política Internacional concentra-se no estudo de políticas globais, nos processos de decisão política, bem como nas abordagens práticas e teóricas no desenvolvimento de soluções para os problemas mundiais. O programa tem dois módulos principais e opcionais; os alunos podem escolher a sua área de especialização de acordo com seus objetivos de carreira pessoal e interesse intelectual. As áreas de especialização incluem: desenvolvimento e desigualdade, a política externa, segurança, diplomacia, meio ambiente, religião, crises financeiras, economia, migração e identidade cultural, bem como direitos humanos. O programa de mestrado também dá aos alunos a oportunidade de analisar os vários atores no contexto global e suas contribuições para as soluções dos problemas do mundo. Estes agentes são: governos, instituições internacionais, movimentos sociais, atores privados e da sociedade civil. Assim, os alunos podem ter aulas numa variedade de disciplinas, incluindo as relações regionais e internacionais. Os diplomados podem aproveitar as ofertas de emprego numa variedade de áreas, tais como: política externa, academia, direito e governo.